ARAC
01 Outubro 2020 | 15:01
Notícias
2020-10-01Governo alarga lay-off com medo de vaga de despedimentos
O chamado “apoio à retoma progressiva” vai passar a aplicar-se a empresas com quebras de faturação de 25% em vez de 40% e será mais generoso quando a redução supera os 75%. Mas não haverá, afinal, novos descontos ao nível da TSU.+
2020-10-01TURISMO PROCURA NOVOS MODELOS DE NEGÓCIO, SERVIÇOS E DIGITALIZAÇÃO
O turismo necessita de novos modelos de negócio, serviços e digitalização e foi neste sentido que a consultora de inovação colaborativa Beta-i lançou o Shift to Start – Tourism Edition,+
2020-10-01Centro, Algarve e Alentejo já registam crescimento do turismo interno
O turismo nacional registou 1,9 milhões de hóspedes e 5,1 milhões de dormidas em agosto, números que correspondem a quedas homólogas superiores a 40%.+

Notícias



“Chegou a hora de reiniciar o Turismo”, afirma o secretário-geral da OMT
TURISVER


O apelo foi deixado por Zurab Pololikashvili esta quinta-feira no site da OMT. Ali, fala da solidariedade e cooperação que uniu o turismo mundial nos dias mais difíceis e da necessidade de lhes dar continuidade na fase que agora começa, pois só a união poderá “restabelecer e impulsionar a confiança” num “novo turismo” em que os turistas têm um papel importante a desempenhar.

“Tanto à escala local como global, a crise que enfrentámos juntos, demonstrou a importância de tomar as decisões correctas no momento correcto”, declarou o secretário-geral da Organização Mundial do Turismo que, numa mensagem positiva e de esperança afirmou que “chegou a hora de reiniciar o turismo”.

Lembrando os sacrifícios “pessoais e profissionais” que muitos, no turismo, tiveram que fazer ao longo dos últimos meses, sublinhou o espírito de união que tem existido no sector para deixar claro que “esta cooperação será essencial quando passarmos à etapa seguinte”, à do alívio das restrições às viagens que está a começar, ao mesmo tempo que “os governos e o sector privado trabalham em conjunto para restabelecer e impulsionar a confiança, fundamento essencial da recuperação”.

Se primeiro houve que “travar o impacto da Covid-19, mitigar os danos nas economias e salvaguardar postos de trabalho e empresas”, agora, diz Zurab Pololikashvili, há que mudar de caminho, com a OMT a assumir de novo a liderança com a apresentação de um conjunto de directrizes para reiniciar o turismo em que se inclui a abertura de fronteiras, a coordenação de novos protocolos de procedimentos saúde e a necessidade de provisão de liquidez às empresas mais vulneráveis, sem esquecer a promoção da inovação e a sustentabilidade, elementos que, assegura, “hão-de deixar de ser uma pequena parte do sector para se converterem no centro de tudo o que fazemos”.

Trata-se, afirma, de construir um “novo turismo”, mais benéfico para as pessoas e para o planeta e nesta luta, considera o responsável, estão já governos e empresas mas também turistas. “Agora, enquanto nos preparamos para viajar de novo, recordamos aos turistas que as suas decisões podem marcar uma diferença positiva. As nossas acções podem ser importantes e iluminar o caminho a seguir, viajando de novo para reiniciar o turismo”, conclui.



Área Reservada
EMPRESAS JÁ DETENTORAS DO SELO "CLEAN & SAFE"
PEÇA AQUI O SEU SELO "CLEAN & SAFE"
Quer Alugar Carro?
Siga-nos
Seara.com